Scans: Selena na revista Glamour & matéria completa « Selena Gomez Portugal
  • 26/09 - Premiere de "Rudderless" no "Catalina Film Festival"
  • 09/10 - Premiere de "Rudderless" no "Scottsdale Film Festival"
  • 17/10 - Estreia de "Rudderless" nos cinemas dos EUA
  • 22/10 - We Day Vancouver, no Canadá
  • 11/11 - Estreia de "Unity" nos EUA
  • 31/12 - Estreia de "Rudderless" em França
  • 07/05/2015 - Estreia de "Rudderless" em Portugal
  • Como temos vindo a posta, a Selena encontra-se na capa da revista Glamour dos EUA, na edição de dezembro, na qual, além de uma entrevista cedida pela mesma, Selena é considerada uma das mulheres deste ano! Confere abaixo os novos scans e a entrevista traduzida:

    Conhece as Mulheres do Ano de 2012!

    Pensativa e tranquila em pessoa, Gomez demonstra a sua generosidade em pessoa também, trocando o bolinho da sorte após a empregada se confundir com o meu. A mensagem dentro era claramente para Gomez: “És uma das pessoas que irá longe na sua vida.”  Este talvez seja o lema deste ano.Glamour: Eu vou comer um pouco deste frango enquanto conversamos. Selena: Sim, come! Este restaurante é muito bom. Os prédios da Disney estão nesta rua, eu e a minha mãe costumávamos vir aqui depois de eu realizar os testes.

    Glamour: Cresceste no Texas com uma mãe solteira que tinha três empregos, esta não era uma vida nada extravagante. Selena: Era simples, porém eu amava. A minha melhor amiga tinha uma casa de dois andares, e isso era como uma mansão para mim.

    Glamour: Agora que estás com 20 anos, olhas para trás em como a tua mãe te criou e ficas agradecida? Selena: [A concordar] Uhum! Eu definitivamente não apreciava isso quando era mais nova. Eu ficava chateada porque os meus pais não estavam juntos, e nunca via a luz ao fundo do túnel enquanto a minha mãe trabalhava muito para nos dar uma vida melhor. Eu morro de medo do que eu me tornaria se tivesse ficado por lá. Eu tenho a certeza que teria uns dois filhos. Mas eu amava as pessoas, e sou feliz por ter crescido lá. É por causa da minha mãe que eu posso fazer coisas por mim mesma. Eu adoro ser profissional, gosto de chegar a horas. Eu gosto de ser gentil com as pessoas, e eu sei que no fim de contas isto é um reflexo dela.

    Glamour: Como te envolves-te com a UNICEF? Selena: Eu só gosto de promover ou fazer parte de uma organização, cuja qual eu sei que é incrível. Eu fiz uma campanha de “Trick or Treat” com eles, e juntamos uma grande quantia em dinheiro. Eu acho que foi quando eu percebi o poder dos jovens e como os meus fãs são incríveis. Ver pessoas jovens a fazerem parte da UNICEF, e a encorajarem outras crianças a ajudarem é ótimo.

    Glamour: Qual foi o momento que mais te chocou? Selena: Quando eu fui para Gana com a minha mãe e o meu padastro através da UNICEF. A viagem toda mudou minha vida. Eu vi crianças a brincarem com garrafas de plástico, eles colocaram-nas com durex e fizeram uma bola de futebol, e isso era divertido, elas estavam contentes! Se pensares em como vivemos a nossa vida aqui, nós precisamos de tantas coisas para nos entreter, e queremos sempre muito. E estas crianças queriam tanto uma educação, do tipo, eu odiava fazer os trabalhos de casa, e eles queriam uns, foi incrível. Eu também participei na campanha do Global Poverty Project, Live Below the Line, em que eu vivi com 1,50$ por dia durante uma semana, foi uma ótima experiência.

    Glamour: Sentiste alguma mudança desde que começas-te a trabalhar com a UNICEF? Selena: Quando eu comecei a trabalhar com a organização, cerca de 24 mil crianças morriam por dia de causas que podemos prevenir. E desde então eles diminuíram este número para 19 mil, isto faz-me sentir bem, estou a fazer de tudo para ajudar.

    Glamour: O teu novo filme, Spring Breakers, é mais radical do que os teus primeiros filmes. Como foi levá-lo ao Festival de Veneza? Selena: Pensa na rapariga que estava nos Feiticeiros, e que acreditava que ninguém fosse levá-la a sério, a ir para o Festival de Veneza. Eu fiquei muito surpresa e agradecida. Eu caminhava pelo festival e as pessoas diziam: ‘Só para saberes, ou eles falam mal, ou eles aplaudem no final do filme.’ Vens-me dizer isso logo antes da estreia? [Risos] Mas a reação foi inacreditável, e eu fiquei orgulhosa. Parei de pensar no que as pessoas iriam achar. Foi ótimo.

    Glamour: Os teus fãs são super dedicados, e os fãs do Justin também [reportagens dizem que eles lhe enviaram ameaças de morte]. Sentes que estás a enfrentar duas bases de fãs de uma vez só, especialmente porque os fãs do Justin são tão protetores? Selena: Sim, e eu amo os fãs dele. Eu nunca os quero desrespeitr. Sabes, eu entendo, eu era obcecada com o Jesse McCartney quando era criança! Ele era o meu mundo, a minha paixoneta de escola. Então eu respeito, e chego até a admirar.

    Glamour: Conta-me sobre a tua relação com a Taylor Swift. Selena: A Taylor é incrível. Ela é tão esperta, doce e humilde – e muito mais bem sucedida do que eu! Então quando eu a vejo após tudo o que ela passa, e ela só quer ir pra casa e fazer bolachas comigo, para mim isso é maravilhoso.

    Glamour: Como encontras tempo para ver o Justin ou a Taylor já que vocês os três estão sempre ocupados? Vocês trocam mensagens o tempo todo? Selena: Sim! Eu falei com a Taylor na semana passada e nós ficamos: ‘Eu nem me lembro da última vez que te vi’, o que é muito triste. Mas se ficamos muito distantes, eu viajo até à Taylor, ou viajo para casa, ou até ao Justin.

    Glamour: Se pudesses voltar até aos teus 15 anos e contar para ti mesma como está a tua vida hoje em dia, ficarias surpresa? Selena: Sim, porque eu era muito medrosa e tímida naquela época. Eu cresci numa das maiores escolas do mundo, e essa é a Disney. Estavam todos a apaixonar-se, ou a não gostarem uns dos outros…e eu era aquela tímida ao canto. E agora eu tenho uma opinião, não tenho tempo para briguinhas. Eu estou cercada de pessoas boas, e estou contente da maneira como estou. Eu gostaria de ser assim naquela época.

    Glamour: Eu acredito que seja assim para várias jovens hoje em dia. Selena: Se eu deixasse todas as coisas negativas me atingirem, eu não acho que estaria feliz comigo mesma. É isto que eu digo aos meus fãs: Se estás infeliz com tudo o que acontece na escola, isso não importará no momento que te fores embora. A minha mãe diz-me sempre: ‘Vira para o outro lado e sigue em frente.’ Isso é algo que eu fiz sempre , e hoje em dia olho para trás e não sinto nenhum arrependimento.

    Glamour: Como te sentes por seres uma “Mulher do Ano” de 2012? Selena: Mulher do Ano, eu nem sabia que já era uma mulher! Estou muito honrada, é muito, muito importante para mim. Vou manter isto sempre perto de mim.

    Glamour_06_-_December.png Glamour_07_-_December.png Glamour_08_-_December.png Glamour_05_-_December.png

    Tradução & Adaptação de Texto: Selena Gomez Portugal